No último sábado (11), a ONG O Consolador, realizadora do Projeto Esporte que Transforma, foi homenageada com o Prêmio Valores Familiares e Comunitários da  organização internacional de ajuda humanitária  (Mãos que Ajudam, no Brasil). Na cerimônia, a presidente do Consolador, Ana Fragoso, foi laureada pelos serviços comunitários prestados a sociedade alagoana.

A Help Hands  é vinculada à Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, a iniciativa desenvolve ações locais e globais, prestando serviços comunitários. A Premiação é realizada em vários países e foi criada para homenagear as pessoas e/ou organizações que contribuem ativamente com a sociedade.

ONG O Consolador

A instituição O Consolador atua em Maceió desde a década de 40. A ONG desenvolve ações nas áreas de educação, esporte, cultura, assistência social, formação de professores, qualificação social e profissional de jovens e mulheres. Em 2012, a Petrobras implantou em sete estados o projeto de Centro de Referência Esportivo (CRE), e em Alagoas, a ONG foi selecionada para a implantação do CRE/AL.

Em 2016, as atividades do CRE/AL foram pausadas. De volta em 2018, agora como Projeto Esporte que Transforma , foram ampliados os atendimentos para mais cinco cidades além de Maceió, agora o projeto atende a mais de 2 mil crianças, adolescentes e jovens, além de formar mais 100 professores nos princípios do Esporte Educacional para disseminação dos princípios do esporte educacional além das barreiras do projeto.

Premiação

Além do Consolador, também foram premiados: Hemerson Casado, do Instituto Dr. Hemerson Casado, e Carlos Jorge, do Instituto Mandaver. O Instituto Dr. Hemerson Casado  tem como missão combater as doenças raras promovendo a inclusão dos pacientes e seus familiares através de assistência, propondo políticas públicas e fazendo cumprir as existentes.  Já o Instituto Mandaver é uma iniciativa que trabalha para levar esporte, cultura e qualificação profissional para crianças e adolescentes no bairro Vergel do Lago, em Maceió.